Quarta, 03 Abril 2013 12:38

Resistência Médica e Concessão de Benefícios ao Trabalhador

 
Avalie este item
(2 votos)

A preocupação com causa e efeito e a historia determinista das doenças não se constituem uma novidade. A comprovação no campo de medicina dando a prova com base no experimental dá-se, a partir da segunda metade do século XIX, com as investigações e postulados teórico-metodológicos na área da microbiologia. O apego à forma, a dogmática apreensão da prova, transferiu-se ao terreno das relações sociais e ao trabalho. A Revolução Industrial argüiu como necessária a sua aplicação aos adoecidos e acidentados no trabalho. Causa e efeito comprovado no processo de produção passou a ser exigência. São os primeiros da medicina industrial.[1]

Texto completo: 

Lido 1028 vezes Última modificação em Quinta, 11 Junho 2015 10:17